Three years have passed since Tiago Alves has applied for the job of receptionist at Inspira Santa Marta Hotel. And it was, exactly, on its 27th birthday that he stepped inside the bright sunny lobby of Inspira Santa Marta Hotel for the very first time and sat down, waiting anxiously for his job interview. This moment, that changed his whole life, felt like a true “birthday gift from Inspira” to him.

Since he started to work here, his job has gone through great changes. Nowadays, he is Front Office Assistant Manager which means that besides all the customer service, he is also a supervision authority regarding guests’ stays issues. At the same time, he also plays a decisive role in the office work, on a more bureaucratic level.

And what about working at Inspira? For Tiago it means to look at the world from a different perspective”. It offers the possibility of “meeting people from around the world”, “share different experiences” in this beautiful boutique hotel with an original concept that “deserves all our appreciation and respect”.

When he is not working at Inspira Santa Marta Hotel, he chooses to seize the moment, watch his favorite films and series, play with his dog and practice sport.  A few months ago, Tiago has started to practice Muay Thai, inspired by his passion for martial arts. But…you know…we prefer not to witness his technique!!

He would be more than happy if he was flying to Japan in this exact minute, with no return ticket. But we can bet that he would miss his favorite portuguese recipes so much, that we are sure he would come back just to taste our typical flavours once again.

As usual, we love to know what our employees would like to change in the world, but Tiago doesn’t see it as a simple answer, “there’s so many things needing an urgent change”, and sometimes the faith in humanity seems so little “most of the times we don’t behave as a result of millions of years of evolution”. In his eyes, the future doesn’t seem to complete a flawless line. There’s only one thing he knows with certainty: in 10 years from now, we will all be in 2025.

So, this is Tiago, no life’s mottos, but some well memorized lessons. The logic of Karma is one of them, so he knows that “What goes around, comes around”.

^CCF3BC1FBCC72830755E8B8F17F4709D6381438CBCBE8F670F^pimgpsh_fullsize_distr

Conheça Tiago Alves, o nosso Sub-Chefe de Receção!

Já passaram 3 anos desde que o Tiago Alves decidiu candidatar-se ao lugar de rececionista no Inspira Santa Marta Hotel. E foi, precisamente, no dia em que completava o seu  27 aniversário, que entrou pela primeira vez no lobby iluminado deste oásis da Rua de Santa Marta. Aí esperou, ansioso, que chamassem o seu nome para a entrevista que determinaria o curso da sua vida. Hoje, ao refletir sobre esse momento, Tiago afirma que “foi uma prenda da parte do Inspira”.

O que nessa altura era a sua função já evoluiu bastante ao longo destes anos. Atualmente, desempenha o cargo de Sub-chefe de Receção, o que quer dizer que para além do trabalho de atendimento ao cliente, que continua a fazer, tem também uma função de supervisão relacionada com tudo o que, direta ou indiretamente, diz respeito às estadias. Entre tudo isto, Tiago também não renuncia à parte mais burocrática de trabalho de escritório.

E trabalhar no Inspira? É “ver o mundo com outros olhos”, é a possibilidade de “conhecer pessoas de todo o mundo”, “trocar impressões com elas”, num boutique hotel com um conceito único, “que merece apreciação e respeito”.   

Quando não está a trabalhar, o que mais gosta de fazer é ver filmes ou séries, aproveitar o tempo com o seu cão e praticar desporto. O Tiago começou agora a praticar Muay Thai, concretizando uma vontade antiga de se dedicar às artes marciais. Talvez não seja necessário ver uma demonstração da sua técnica ao vivo, certo?!?!

Para o Japão, o Tiago Alves iria neste minuto…com a promessa de “bilhete só de ida”, mas nós temos a certeza que os pratos que adora, o Cozido à Portuguesa ou a Feijoada, o fariam repensar uma viagem tão definitiva!

Quanto ao que mais gostaria de mudar no mundo, o Tiago assume haver demasiadas coisas que necessitam de uma profunda mudança e que “muitas vezes não nos comportamos como o resultado de milhares de anos de evolução”, mas ao pensar sobre o futuro, não lhe parece que ele possa ser um traço perfeito, desenhado a régua e esquadro. Na sua opinião, “tens que ter sempre em conta o acaso e o inesperado”. A única coisa de que tem certeza é que daqui a 10 anos, estaremos em 2025.

Assim é o Tiago, sem lemas de vida, mas apegado a pequenas “máximas” que por vezes se aplicam na perfeição. O Karma tem-lhe ensinado que “what goes around, comes around”.